Curso de Mergulhadores Autônomos é concluído pelo Corpo de Bombeiros de Rondônia com 27 formandos

Postagens Recentes

3/recent/post-list

Mundo

3/Mundo/post-list

Geral

3/GERAL/post-list

Ad Code



Curso de Mergulhadores Autônomos é concluído pelo Corpo de Bombeiros de Rondônia com 27 formandos


Curso de Mergulhadores Autônomos foi realizado para se fazer cumprir os requisitos mínimos de segurança e as diretrizes

Porto Velho, RO - Para habilitar os participantes a desempenharem atividades de mergulhador de circuito aberto, a fim de atuarem em ocorrências de busca, resgate e salvamento aquático com baixa visibilidade, em profundidade de até 30 metros, o Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Rondônia – CBMRO promoveu a formatura de conclusão do Curso de Mergulhadores Autônomos – CMAUT 2022, no final do mês de novembro.

A capacitação, promovida por meio da Coordenadoria de Educação, Ensino e Instrução, ocorreu em um período de 45 dias e 360 horas-aula, com a formação de 27 combatentes. Destes, 24 são do CBMRO, dois do Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe – CBMSE e um policial do Batalhão de Operações Especiais – Bope.


Curso de Mergulhadores Autônomos foi realizado para se fazer cumprir os requisitos mínimos de segurança

O governador de Rondônia, Marcos Rocha pontua que o Governo do Estado “está empenhado em entregar um serviço de qualidade para toda a população, por meio da especialização dos profissionais da segurança”.

O coordenador do Curso de Mergulhadores Autônomos, capitão BM Pedro Barbati, salienta que “o Estado de Rondônia tem inúmeros rios, lagos e açudes que apresentam características de riscos, como as águas turvas, as corredeiras e a fauna subaquática agressiva, as quais, juntamente à pressão atmosférica, tornam a atividade de mergulho, a segunda profissão mais perigosa do mundo”.

Devido à defasagem no quadro de mergulhadores, o Curso de Mergulhadores Autônomos foi realizado para se fazer cumprir os requisitos mínimos de segurança e as diretrizes que regulam as escalas de serviço, melhorando ainda mais o tempo de resposta das guarnições; aumentando a capacidade de atendimento à ocorrências.


Fonte: Secom - Governo de Rondônia
Texto: Richard Neves
Fotos: Ailton Rodrigues Ferreira

Postar um comentário

0 Comentários