Verstappen é bicampeão mundial da F1 em corrida confusa no GP do Japão

Holandês de 25 anos venceu a 12ª de 18 corridas da temporada 2022

Porto Velho, RO -
Max Verstappen, da Red Bull, conquistou seu segundo título mundial consecutivo da Fórmula 1 neste domingo (9) com a vitória em um GP do Japão que acabou encurtado pela chuva, depois que seu rival mais próximo na classificação, Charles Leclerc, sofreu uma penalidade pós-corrida.


O holandês Verstappen havia cruzado a linha de chegada à frente do piloto da Ferrari que, se defendendo das investidas da outra Red Bull de Sergio Perez, levou a bandeira quadriculada em segundo lugar.

Mas o piloto monegasco teve cinco segundos adicionados ao seu tempo de prova por cortar a chicane final na última volta, o que o deixou em terceiro.

"É uma sensação louca, é claro, porque eu não esperava por isso quando cruzei a linha", disse Verstappen em meio à confusão sobre se a redução de pontos sob as novas regras introduzidas este ano se aplicaria com pouco mais da metade da prova em curso. "Seria meio ponto, que fosse, eu não sabia quantos pontos eu ia conseguir", acrescentou.

A FIA, entidade que rege o esporte, esclareceu que a regra de pontos deduzidos se aplica apenas a corridas que estão suspensas e não podem ser retomadas.

A corrida deste domingo (9) foi interrompida após duas voltas devido a chuva forte, mas foi retomada pouco mais de duas horas depois, com os pilotos completando 28 das 53 voltas programadas e todos os pontos foram distribuídos.

No resultado final, Verstappen deixou o Japão com 113 pontos de vantagem sobre Perez, que ficou em segundo na classificação geral. Ele precisava de uma diferença de pelo menos 112 pontos sobre seu adversário mais próximo para ser considerado campeão neste domingo.

A vitória de Verstappen no Japão foi a 12ª em 18 corridas. Com quatro corridas restantes, o holandês está a caminho de bater o recorde de mais vitórias em uma só temporada, feito compartilhado por Michael Schumacher e Sebastian Vettel (13).

"Max tem sido incrível", disse Leclerc, o favorito ao título no começo da temporada, quando abriu vantagem de 46 pontos sobre Verstappen após as três primeiras corridas. "É um título totalmente merecido". "Vamos tentar dar o máximo nas últimas quatro corridas para melhorar como equipe e esperamos representar um desafio maior para o próximo ano."


Pole de Verstappen

Verstappen começou a corrida deste domingo na pole position. Ele foi ultrapassado por Leclerc na largada na pista molhada, mas permaneceu disputando cabeça a cabeça com a Ferrari nas duas primeiras curvas, recuperando a iniciativa.

Incidentes envolvendo vários carros trouxeram o safety car à pista antes que a volta de abertura pudesse ser concluída, enquanto o guincho na pista causou tensão quando a AlphaTauri de Pierre Gasly passou em alta velocidade.

As condições forçaram a paralisação da corrida na segunda volta e, após um atraso de duas horas, ela recomeçou com uma largada em movimento.

Atrás dos três primeiros, Esteban Ocon conseguiu um impressionante quarto lugar para a Alpine, se protegendo da Mercedes do heptacampeão mundial Lewis Hamilton que fechou em quinto.

Sebastian Vettel, em um emocionante canto de cisne em Suzuka, cruzou em sexto, ultrapassando a linha quase ao lado de Fernando Alonso, da Alpine.


O bom duplo resultado da escuderia francesa levou-a de volta ao quarto lugar, à frente da McLaren, na classificação dos construtores.

George Russell foi o oitavo com a Mercedes, à frente do piloto da Williams, Nicholas Latifi, que marcou seus primeiros pontos na temporada, ao terminar em nono. Lando Norris completou o top 10.

Gasly, da AlphaTauri, recebeu uma penalidade de 20 segundos após a corrida por excesso de velocidade sob bandeiras vermelhas. Ele foi o último entre aqueles que concluíram a prova.

O chinês Guanyu Zhou fez a volta mais rápida, mas não recebeu o ponto adicional por terminar em 16º.

Carlos Sainz, da Ferrari, foi a principal vítima do caos na primeira volta, com o espanhol deslizando pela pista e batendo nas barreiras.

Fonte: Agência Brasil

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu