Professores e técnicos educacionais de Rondônia vão receber reajuste salarial de 33,24% no pagamento de abril


A partir deste mês de abril, mais de 17 mil servidores, entre professores, técnicos e aposentados serão beneficiados

Porto Velho, RO - O Governo de Rondônia tem trabalhado para reforçar ações voltadas para a valorização dos servidores, reforçando assim, o compromisso com a Educação. Nessa quarta-feira (16), durante reunião que envolveu representantes da Casa Civil, Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), a Secretaria de Estado de Finanças (Sefin) e a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), foi confirmado o reajuste do Piso do Magistério de 2022 no percentual de 33,24%, para 11.700 professores, divididos em suas classes profissionais e vão receber o retroativo referente ao mês de janeiro de 2022 no pagamento de abril.

Na análise realizada pelos representantes das pastas, seguindo a orientação do governador de Rondônia Marcos Rocha, foi decidido ainda o reajuste salarial, no mesmo percentual de 33,24% para cerca de seis mil técnicos educacionais da Seduc, divididos entre analistas, assistentes sociais, nutricionistas, agentes administrativos, cuidadores, zeladores e os profissionais que atuam na produção de merenda escolar. O benefício para essa categoria recebe o retroativo de março na folha de abril.

A tratativa segue as determinações da Lei Federal nº 11.738/2008 e da Lei Estadual n º 1.036/2019. A partir do mês de abril, mais de 17 mil servidores, entre professores e técnicos e aposentados serão beneficiados.

Ainda na tarde de quarta-feira, o governador Marcos Rocha anunciou que: “todos os professores do Estado receberão o reajuste retroativo ao mês de janeiro de 2022; e os técnicos educacionais receberão o retroativo a partir de março”.

O secretário da Seduc, Suamy Vivecananda ressaltou que “a atual gestão não tem medidos esforços para investir na área educacional, seja na modernização da infraestrutura e equipamentos das escolas estaduais e na valorização dos servidores da Educação”, finalizou.

Fonte: Governo de Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu