Instalação do Estado de Rondônia completa 41 anos; desenvolvimento avança

Postagens Recentes

3/recent/post-list

Mundo

3/Mundo/post-list

Geral

3/GERAL/post-list

Ad Code



Instalação do Estado de Rondônia completa 41 anos; desenvolvimento avança


Estado de Rondônia completa neste dia 4 de janeiro, 41 anos de instalação

Porto Velho, RO - “Um lugar que ofereça condições para a família ser feliz”. Este é o pensamento da grande maioria dos brasileiros que veio a Rondônia, em meados do século XX fazer do Estado, o seu pedacinho de paraíso.

Ao completar seu 41° aniversário de instalação, neste dia 4 de janeiro de 2023, o Estado de Rondônia que acolheu os pioneiros dos quais construíram as bases para 1,8 milhão de cidadãos desta terra, hoje vive prosperidade que é destaque nacional. A instalação oficial de Rondônia, poucos dias após a inauguração marcou o momento, no qual o Estado estava com sua estrutura política e governamental apta a realizar os atos de sua administração.

Rondônia avança no desenvolvimento do agronegócio

Possuidora de uma economia pujante e um potencial agro, que impulsiona todo o Estado, até mesmo para superar uma pandemia com um dos menores impactos no crescimento, quando comparado ao Brasil. Rondônia tem como base estrutural uma população empreendedora e patriota que na genética herdou um pouco de cada Estado e de etnias indígenas. Este povo se orgulha do passado e tem certeza de um futuro de desenvolvimento.

O Estado de Rondônia teve marcos mundiais importantes na década de 1940, quando a borracha foi amplamente utilizada. O então recém criado como Território do Guaporé em 1943, a inauguração se deu como resultado da política do ex-presidente Getúlio Vargas para privilegiar a segurança das fronteiras. No período, ele também instituiu mais quatro territórios federais.

O impulso para o território se desenvolver veio, segundo o professor e pesquisador Alécio Valois, quando o ex-presidente Juscelino Kubitschek, em 1956, muda a denominação para Território de Rondônia e cria a primeira Rodovia Federal, a BR-029, atual BR-364. “O intenso fluxo migratório deste período, que atravessou a década de 1970 foi importante para que o território fosse transformado em Estado de Rondônia, por meio da Lei Complementar n° 41, de 22 de dezembro de 1981”, afirmou o professor.

Em suas pesquisas, Alécio Valois cita fatores históricos, econômicos e até espirituais que, segundo ele, tornam as terras de Rondônia um trabalho épico dos pioneiros, ao mesmo tempo que possui histórias únicas. “Há aqui uma visão utópica, até biblicamente falando de terra prometida. Nas minhas pesquisas há mitos indígenas de uma terra sem males que seria nesta região.

Vê-se em Costa Marques, os festejos bicentenários do Divino Espírito Santo, onde há indícios que os espanhóis e portugueses faziam as pazes e saiam em romaria”, salientou. Valois ainda fundamentou o que os povos de etnias indígenas vivem sob certa harmonia dentro de Rondônia, haja vista a quantidade de rondonienses que têm traços indígenas.

TERRA FÉRTIL

O dinamismo da cultura mundial encontra nos campos rondonienses terreno fértil, pois segundo o historiador, o contato com os colonizadores portugueses favoreceu as trocas culturais e hoje as comunidades se organizam e remontam sua cultura original, mesmo com absorção de progressos como TV, rádio, dentre outros meios.

Ações do Governo reforçam o desenvolvimento dos municípios

DESENVOLVIMENTO AVANÇA

As homenagens nas quais serão prestadas em solenidades nos quatro cantos do Estado, em uma só voz estarão rememorando os feitos dos pioneiros e a garra dos seus sucessores. “É emocionante falar da terra que vim constituir minha família.

Rondônia me adotou e me sinto um rondoniense nato. Por isso meu compromisso é com todos os cidadãos que estão aqui. Independente de bandeira, de classe, situação ou oposição. Vamos seguir firmes para mostrar a força do povo daqui”, comemorou o governador de Rondônia, Marcos Rocha.

O atual Governo do Estado reforça o controle das despesas públicas, somado ao posicionamento firme contra a corrupção com lisura e transparência nos investimentos, considerados fatores fundamentais na transformação de Rondônia em um gigante do Brasil, com atrativos para a instalação de novos negócios, a exemplo de instalações de novas indústrias que estão chegando e todas as ações do governo são para alavancar, ainda mais, a economia do Estado.

MAIS EMPREGOS

A meta do Governo de Rondônia é tornar o Estado um grande gerador de empregos, e isso já tem se tornado uma realidade, com uma das menores taxas de desemprego do Brasil. Para impulsionar ainda mais a economia, o Poder Executivo tem investido na infraestrutura dos 52 municípios por meio dos projetos como o “Tchau Poeira”, que leva asfalto urbano para as cidades; o “Governo na Cidade”, que recupera e cria espaços públicos de lazer; e o “Governo no Campo” que leva investimentos porteira à dentro para os pequenos produtores rurais. Além, de avançar no desenvolvimento com ações nas áreas de Educação, Saúde, Segurança Pública, Assistência Social e outras em prol da sociedade rondoniense.

Fonte: Secom - Governo de Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários