Governo Lula libera R$ 1 bilhão para projetos da Lei Rouanet; sertanejos são escanteados

Postagens Recentes

3/recent/post-list

Mundo

3/Mundo/post-list

Geral

3/GERAL/post-list

Ad Code



Governo Lula libera R$ 1 bilhão para projetos da Lei Rouanet; sertanejos são escanteados

Entre os agraciados para capitação de recursos, estão espetáculo baseado em disco do Green Day e escolas de samba de São Paulo

Porto Velho, RO - O Ministério da Cultura publicou, nesta quinta-feira (18), uma lista com 457 autorizações de projetos culturais que podem captar verbas pela Lei Rouanet – benefício que permite a empresas destinar parte dos seus impostos à execução de atividades no setor.

A medida faz parte de um pacotão do MinC, que deve liberar R$ 1 bilhão para aproximadamente dois mil projetos que foram barrados durante o governo Jair Bolsonaro.


A lista revela que o foco está nas grandes produções: um dos projetos agraciados permitirá que a Rosas de Ouro, escola de samba que desfila no Carnaval de São Paulo, capte R$ 1,9 milhão. Também foram beneficiados grupos carnavalescos no Rio de Janeiro e de Navegantes (SC).

Os cantores sertanejos – que no ano passado entraram em uma polêmica por criticar a Rouanet ao mesmo tempo em que captavam verba pública – ficaram em segundo plano.

Rayan Barreto, cantor de Goiás, conseguiu autorização de R$ 199 mil para gravar seu DVD. Seu sucesso em redes sociais e vídeos de YouTube, no entanto, não permite compará-lo aos nomes que se envolveram na “CPI do Sertanejo” em 2022.

A lista ainda traz projetos pouco usuais, como a autorização de R$ 3,7 milhões para a produção de um musical baseado no disco “American Idiot”, da banda norte-americana Green Day e outro de R$ 495 mil para contar a vida de Luiz Gonzaga.

Já outro projeto poderá captar quase R$ 440 mil para realizar o “Natal do Agronegócio” em cidades do interior de São Paulo e do Paraná.

Fonte: Estadão

Postar um comentário

0 Comentários