Manifestantes de Rondônia sugerem ‘vaquinha’ para matar Lula com tiro na cabeça


O grupo foi criado para formalizar protestos ao longo das rodovias rondonienses

Porto Velho, RO - Um grupo de WhatsApp nomeado com grafia errada “#10 Paralização Rondônia [sic]” sugere uma vaquinha online para matar o presidente da República eleito no último domingo (30). O grupo foi criado para formalizar protestos ao longo das rodovias rondonienses.

MPRO vai apurar suposto plano para matar Presidente eleito Lula

Um cidadão, com número de telefone usando o DDD 69, do Estado, conclama:

“Ô pessoal do grupo, quem apoia nós fazermos uma ‘vaquinha’ para pagar um sniper pra matar o Lula com um tiro na cabeça?”.

Outro participante pergunta:

“Qual o valor?” e emenda “ apoiado”.

Um terceiro diz:

“Tô pronto”.

O que perguntou o preço do “serviço” voltar a dizer:

“O cara que matar o Lula vai ser considerado um herói nacional”. E o último emenda: “Salvador da Pátria e da nação brasileira”.








Fonte: Diário da Amazônia

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu