Comunidades ribeirinhas recebem água mineral e hipoclorito de sódio

Prefeitura de Porto Velho entregou 900 fardos de água mineral na última semana

Porto Velho, RO -
O baixo nível das águas do Rio Madeira, que na sexta-feira (9) atingiu 1,94 metro por causa do intenso “verão amazônico”, fez com que muitos poços que abasteciam as comunidades ribeirinhas secassem e a Defesa Civil Municipal foi acionada para levar água potável para os moradores.

Conforme o coordenador da Defesa Civil de Porto Velho, Silvio Evangelista, na última semana foram entregues 900 fardos de água mineral e 3.500 frascos de hipoclorito de sódio para as 93 famílias que moram na localidade de São Miguel, na região conhecida como médio Madeira.

Também foram atendidas as comunidades de Maravilha, São Sebastião e Boa Fé, que ficam localizadas na margem esquerda do Rio Madeira. “Outros que solicitaram ajuda com urgência foram os moradores de Santa Catarina e Pombal, onde só é possível chegar de barco”, completou Evangelista.

Posteriormente será a vez das localidades de Brasileira, Boca do Jamari, Bom Será, Aliança e Cujubim Grande, cujo acesso pode ser feito de carro, seguindo pela RO-005, também conhecida como Estrada da Penal.

“Como temos que atender Santa Catarina e Pombal com urgência, deixamos a entrega nas localidades onde podemos chegar de carro por último”, acrescentou.


Fonte: Prefeitura de Porto Velho

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu