Três fugitivos de presídio em Nova Mamoré são recapturados após canoa naufragar na fronteira

Fugitivos tentavam chegar à Bolívia, mas a canoa alagou e afundou. Um dos detentos foi arrastado pela correnteza

PORTO VELHO, RO - A PM (Polícia Militar) recapturou três dos cinco detentos que fugiram da Penitenciária Regional de Nova Mamoré (RO), na noite desta segunda-feira (18). Os detentos são de alta periculosidade e fugiram da unidade prisional na madrugada da última sexta-feira (15).

Os detentos foram presos enquanto tentavam atravessar de canoa para a Bolívia. De acordo com a PM, moradores viram os fugitivos na Cachoeira do Ribeirão e chamaram a Polícia.

Segundo os moradores, os detentos furtaram uma canoa no lado brasileiro. Em seguida tentaram fazer a travessia para o lado boliviano. No entanto, a canoa alagou e acabou naufragando nas corredeiras da cachoeira.

Nesse meio tempo, três conseguiram nadar até uma ilha e ao saírem da água receberam voz de prisão. Participaram da ação agentes da Polícia Militar e do BPFron (6º Batalhão e Batalhão de Polícia de Fronteira).

Ainda de acordo com informações da PM, um detento identificado como José Batista de Souza, acabou sendo levado pelas corredeiras. A polícia disse em nota que o fugitivo não foi mais visto e “creem que ele morreu afogado”.

O quinto detento identificado como Jailson Maia dos Santos, ainda não foi localizado. A Polícia informou que continua realizando buscas.

Além disso, os moradores que tiverem informações sobre o paradeiro do detento devem fazer denúncia através do telefone 190 ou também via WhatsApp (69) 9 9985-0885.


Fonte: Diário da Amazônia

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu