População deve estar atenta aos prazos de inclusão e atualização do CadÚnico


Cerca de 1,2 mil pessoas realizaram o pré-cadastro no aplicativo, mas não compareceram a uma unidade para concluir o cadastramento

Porto Velho, RO - O Cadastro Único (CadÚnico) é uma importante ferramenta social para identificar potenciais beneficiários dos programas de assistência social no Brasil. Em Porto Velho, mais de 92 mil famílias estão cadastrados nos mais de 20 programas assistenciais oferecidos à população em situação de vulnerabilidade social.

Destas, mais de 34 mil recebem o Auxílio Brasil através do CadÚnico. Esse quantitativo representa mais de R$ 13 milhões injetados na economia do município.

Além do Auxílio Brasil, a população também tem acesso a outros programas sociais como o ID Jovem, Tarifa Social de Energia Elétrica, Casa Verde e Amarela, Benefício de Prestação Continuada (BPC), entre outros programas oferecidos através da Secretaria Municipal de Assistência Social e Família (Semasf), da Prefeitura de Porto Velho.

O pré-cadastro pode ser realizado através do aplicativo CadÚnico, mas é necessário que o cidadão compareça aos postos de atendimento, que funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, para concluir o cadastramento. As unidades do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) também oferecem este serviço até 31 de outubro para averiguação e revisão.

De acordo com o coordenador do CadÚnico, Vitor Nascimento, cerca de 1,2 mil famílias fizeram o pré-cadastro através do aplicativo, mas não compareceram a uma das unidades de atendimento para efetivar o cadastramento. “Essas famílias precisam nos procurar para finalizar o cadastro. Elas têm o prazo de 120 dias para vir aqui e fazer essa inclusão no sistema, caso não compareçam neste prazo, elas serão excluídas do pré-cadastro”, explicou.

Ainda de acordo com o coordenador, devido a grande demanda por cadastramento e atualizações, são distribuídas diariamente 160 senhas para atendimentos exclusivos de cadastramento.

“Eu fiz o pré-cadastro pelo aplicativo, mas não atualizei o meu cadastro. Então acabei não recebendo o pagamento do Auxílio Brasil este mês e estou voltando agora pra ver se consigo receber já no próximo pagamento”, conta Helen Caroline, beneficiária do programa.

DOCUMENTOS

Os documentos necessários para realizar o cadastro são: RG (CNH não é aceita), CPF, título de eleitor, carteira de trabalho, comprovante de renda e de residência do casal. Dos filhos, é necessário apresentar a certidão de nascimento, CPF e declaração escolar com a numeração do INEP.

CONTATOS

Cras Elizabeth Paranhos
Endereço: Rua Marechal Deodoro, 1828, Centro
Telefone: (69) 9 8473-4881

Cras Paulo Freire
Endereço: Avenida Amazonas, 3660, bairro Agenor de Carvalho
Telefone: (69) 9 8473-6076

Cras Dona Cotinha
Endereço: Rua Samaumeira, 3238, bairro Eletronorte
Telefone: (69) 9 8473-6030

Cras Betinho
Endereço: Rua Vila Mariana, 9618, bairro Mariana
Telefone: (69) 9 8473-6269

Cras Irmã Dorothy
Endereço: Avenida Mamoré, 113, bairro Aponiã
Telefone: (69) 9 8473-4364

Cras Theodoro Cromo – Jaci-Paraná
Endereço: Reassentamento Parque dos Buritis, Via 10, Quadra 8
Telefone: (69) 3236-6178

Fonte: Diário da Amazônia


Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu