Campanha EJA EAD do SESI Rondônia vai mudar a vida de muitas pessoas, afirma coordenador de Educação


Programa Conquiste + com a EJA

Porto Velho, RO - Concluir os estudos é o projeto de milhares, em todo o Brasil, que um dia, por várias razões deixaram de estudar. Pensando nestas pessoas o Serviço Social da Indústria de Rondônia (SESI-RO) está iniciando a campanha “Conquiste + com a EJA”, que vai ofertar educação básica e profissionalizante gratuita na modalidade a distância.

EJA é a sigla de Educação de Jovens e Adultos, uma modalidade de ensino destinada ao público que não completou, abandonou ou não teve acesso à educação formal na idade apropriada. É uma modalidade de ensino criada pelo Governo Federal que perpassa todos os níveis da Educação Básica do país.

O SESI-RO vai disponibilizar 210 vagas distribuídas por três turmas, sendo 70 para a unidade SESI Lagoa, em Porto Velho, 70 para a unidade de Cacoal e 70 para a de Vilhena, onde as provas presenciais serão realizadas na segunda quinzena de maio deste ano. Os participantes estudarão concomitantemente as disciplinas da Educação Básica e também as da Qualificação Profissional.

Caso o aluno tenha alguma dificuldade de acesso a equipamento e internet, SESI e SENAI abrirão as portas para que eles possam utilizar os laboratórios de informática. As provas são previamente marcadas no cronograma.

Conforme o coordenador de Educação Básica e Profissional SESI-SENAI-IEL-RO, Jair Coelho, o público prioritário da campanha “Conquiste + com a EJA” são pessoas que não conseguiram concluir os estudos. O objetivo é elevar a escolaridade, mais notadamente a dos trabalhadores, e com isso dar saltos qualitativos na sua renda e consequentemente melhorando sua vida.

Coelho explicou que toda turma EJA começa mediante parceria de uma empresa ou indústria, mesmo que acrescida com alunos da comunidade. “Quando uma empresa concorda em fechar uma turma EJA, ela empresta seu CNPJ no documento para SESI e SENAI, que neste caso específico estão mirando o Ensino Médio, ou seja, é para pessoas que chegaram até o nono ano e daí não passaram”, explicou.

Além desta etapa de negociação com a empresa e da inscrição, o SESI considera os conhecimentos adquiridos na experiência de vida do estudante, seus interesses, valores, visões de mundo e condições de vida e de trabalho. Se com isso aprendeu suficientemente para fazer uma prova com as disciplinas tradicionais, como português, matemática, história, e alcançar a média, de pronto recebe o certificado de conclusão do Ensino Médio.

“Por conta destes diferenciais, não vai precisar fazer o curso de duração de um ano. Os demais que não alcançarem a média, estes poderão se matricular, estudar e concluir seus estudos com o SESI-RO. Esta campanha, sem dúvida vai mudar para melhor a vida de muitas pessoas. A iniciativa é realmente agregadora, é um programa de oportunidade e certamente vai valer a pena porque ao final do curso terá a chance de se empregar profissionalmente”, disse.

“Sendo a distância, os alunos serão acompanhados por professores-tutores capacitados, com o desenvolvimento das atividades no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), nas seguintes áreas do conhecimento: Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens e Matemática. Apenas as provas são presenciais”, explicou Coelho.

De acordo com a coordenadora da área de Relações com Mercado, Juliana Mascarenhas, a EJA EaD do SESI tem o objetivo de diminuir a distância entre o estudante e sua escolaridade. “É uma oportunidade para jovens e adultos concluírem os estudos, de acordo com a sua rotina, já que poderão acessar os conteúdos via internet em qualquer lugar e horário. Uma alternativa de estudo que atende as exigências da atualidade, em um mundo cada vez mais conectado”, pontua.

Ainda conforme a coordenadora, a campanha inclui ações de prospecção em empresas e indústrias para que possam apadrinhar jovens e adultos para estudarem com o EJA- SESI. “Também divulgaremos nas mídias tradicionais e digitais para as empresas interessadas em investir na formação de seus funcionários procurarem o SESI-RO”.

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu