Escola Tiradentes IV arrecada alimentos para vítimas de enchente


Foram beneficiadas famílias de alunos e outras vítimas das cheias

Porto Velho, RO - Uma ação solidária realizada entre os dias 23 e 25 deste mês, conseguiu arrecadar mais de quatro toneladas de alimentos não perecíveis, no município de Ji-Paraná. No início a ideia era ajudar famílias de alunos atingidas pelas cheias dos rios Machado e Urupá, mas, o resultado altamente positivo acabou, também, beneficiando muitas outras pessoas vítimas da problemática. A ação foi organizada pela direção do Colégio Tiradentes IV e professores.

De acordo com o Major PM Edvaldo Elias, assim que o nível das águas dos rios Machado e Urupá subiu, foi observado que muitos estudantes da referida unidade de ensino, tiveram que deixar suas casas, muitos perdendo alimentos e bens pessoais, ocasião em que se abrigaram em casa de parentes e outros em abrigo público. “Diante disso, tomamos a iniciativa, com o total apoio dos professores e alunos, em desencadear uma ação para arrecadar alimentos e transformá-los em cestas básicas”, relatou.

Entre os dias 23 e 25 (quarta, quinta e sexta-feira), as equipes formadas por alunos, saíram em busca do apoio da comunidade, conseguindo a expressiva quantidade de alimentos como arroz, feijão, óleo, leite, macarrão, trigo, farinha, fubá, entre muitos outros produtos. Foram 754 alunos do CTPM IV participando diretamente.

No total foram confeccionadas 237 cestas básicas, onde beneficiaram cerca de 50 alunos da escola, dentre atingidos pelas cheias e alunos cadastrados em programas sociais do governo. A ação ajudará ainda outras pessoas atingidas pelas cheias. A ampliação foi ainda maior em decorrência de uma doação de 680 Kgs por parte do CTPM XII do município de Ouro Preto D’Oeste.

“Precisamos agradecer a todos que apoiaram a nossa iniciativa em poder ajudar aqueles que diretamente sofreram com esse problema das cheias dos nossos rios. A população de Ji-Paraná, mais uma vez mostrou ser solidária quando é convocada”, concluiu.


Arrecadação de alimentos colégio Tiradentes / Foto: J. Nogueira

Uma ação solidária realizada entre os dias 23 e 25 deste mês, conseguiu arrecadar mais de quatro toneladas de alimentos não perecíveis, no município de Ji-Paraná. No início a ideia era ajudar famílias de alunos atingidas pelas cheias dos rios Machado e Urupá, mas, o resultado altamente positivo acabou, também, beneficiando muitas outras pessoas vítimas da problemática. A ação foi organizada pela direção do Colégio Tiradentes IV e professores.

De acordo com o Major PM Edvaldo Elias, assim que o nível das águas dos rios Machado e Urupá subiu, foi observado que muitos estudantes da referida unidade de ensino, tiveram que deixar suas casas, muitos perdendo alimentos e bens pessoais, ocasião em que se abrigaram em casa de parentes e outros em abrigo público. “Diante disso, tomamos a iniciativa, com o total apoio dos professores e alunos, em desencadear uma ação para arrecadar alimentos e transformá-los em cestas básicas”, relatou.


Alunos do colégio Tiradentes ajudando a recolher os alimentos / Foto: J.a Nogueira

Entre os dias 23 e 25 (quarta, quinta e sexta-feira), as equipes formadas por alunos, saíram em busca do apoio da comunidade, conseguindo a expressiva quantidade de alimentos como arroz, feijão, óleo, leite, macarrão, trigo, farinha, fubá, entre muitos outros produtos. Foram 754 alunos do CTPM IV participando diretamente.

No total foram confeccionadas 237 cestas básicas, onde beneficiaram cerca de 50 alunos da escola, dentre atingidos pelas cheias e alunos cadastrados em programas sociais do governo. A ação ajudará ainda outras pessoas atingidas pelas cheias. A ampliação foi ainda maior em decorrência de uma doação de 680 Kgs por parte do CTPM XII do município de Ouro Preto D’Oeste.

“Precisamos agradecer a todos que apoiaram a nossa iniciativa em poder ajudar aqueles que diretamente sofreram com esse problema das cheias dos nossos rios. A população de Ji-Paraná, mais uma vez mostrou ser solidária quando é convocada”, concluiu.

Fonte: Diário da Amazônia

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu