Governo lança linha de crédito para caminhoneiros autônomos

Programa partiu dos ministérios da Infraestrutura e da Economia e deve beneficiar 1,5 milhão de trabalhadores autônomos

Porto Velho, RO - O governo federal lançou, nesta sexta-feira (4), nova linha de crédito voltada aos caminhoneiros autônomos. A medida, segundo a Caixa Econômica Federal, deve beneficiar 1,5 milhão de trabalhadores.

A ideia do programa nasceu a partir dos ministérios da Infraestrutura e da Economia. Durante evento, o caminhoneiro Romildo Matos Torres assinou o primeiro contrato.

Com o serviço, as empresas que contratam frete a prazo poderão solicitar à Caixa Econômica Federal que antecipe o pagamento diretamente ao transportador autônomo, que receberá o valor à vista por meio de crédito em conta no banco.

As empresas poderão antecipar os fretes que tiverem registro no sistema da Secretaria da Fazenda a partir da emissão do MDF-e (Manifesto Eletrônico Fiscal), documento utilizado pelas companhias do segmento e que armazena informações sobre a carga e os responsáveis pelo transporte.

De acordo com a Caixa, o serviço terá taxa de juros a partir de 1,99% ao mês. A amortização do empréstimo é feita em parcela única, cujo vencimento será na mesma data estipulada pelo transportador no MDF-e para o pagamento do frete.

"O banco que protagonizou o maior programa social do mundo agora está pensando nas pessoas que operam o transporte, os caminhoneiros, que são o elo mais frágil. Isso significa liberdade, libertar os caminhoneiros da carta-frete, das operações de crédito casadas que tanto subtraem renda", disse o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.

O presidente Jair Bolsonaro participou do evento, mas não discursou. Também estavam presentes os ministros Paulo Guedes (Economia) e Luiz Ramos (Secretária-geral) e o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

Fonte: R7

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu