AgroStart completa 5 anos e se consolida como Plataforma de Inovação Aberta da BASF

Almir Araújo, Diretor de Digital, Novos Modelos de Negócio & Excelência Comercial da Divisão de Soluções para Agricultura da BASF na América Latina

Mais de 600 startups do agronegócio já passaram pela plataforma desde 2016

Porto Velho, RO –
Os produtores do mundo todo vêm enfrentando desafios, independentemente do tamanho da sua propriedade. De acordo com um estudo da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), o maior desafio da agricultura na atualidade é a obtenção da lucratividade, com sustentabilidade, capaz de remunerar os custos, assegurar novos investimentos e garantir adequada qualidade de vida ao agricultor.

Pensando em solucionar estes desafios, promover a inovação aberta e o empreendedorismo, a BASF lançou o AgroStart em 2016. Após 5 anos, a inciativa se consolida no mercado como a Plataforma de Inovação Aberta da Divisão de Soluções para Agricultura da BASF na América Latina. Em 2022, o AgroStart vai ampliar sua atuação com equipes dedicadas e soluções locais.

Consolidação no mercado
Ao longo dos últimos cinco anos, quatro pilares foram construídos: aceleração de startups, intraempreendedorismo através do Garagem AgroStart, o Ecossistema AgroStart que aumentou as parcerias com empresas de outros setores e ainda o pilar de aportes do BASF Venture Capital para investimentos em startups e fundos de capital de risco.

Por meio dos quatro pilares, o AgroStart interage com empreendedores e parceiros para levar mais eficiência ao campo, com otimização de recursos e maior sustentabilidade. O processo de cocriação e troca de experiência ao longo dos últimos anos também foi ficando mais robusto. Atualmente a Plataforma possui vários parceiros, entre eles Bosch, Samsung, Banco do Brasil e Mercedez Bens.

Desde 2016, mais de 600 startups se inscreveram no AgroStart. “O processo de seleção de novas startups é contínuo. Somos uma referência em acelerar as agtechs na América Latina.

Nestes cinco anos de atividades, 21 startups em estágio inicial foram aceleradas, outras 10 startups maduras assinaram parcerias com a BASF”, afirma Eduardo Menezes, gerente de Produtos Digitais da Divisão de Soluções para Agricultura da BASF na América Latina.

As tecnologias desenvolvidas via Plataforma de Inovação Aberta oferecem desde aplicação de defensivos com drones, monitoramento digital por meio de satélites, previsão climática, uso racional dos recursos e ferramentas de gestão, até digitalização de processos de barter.

“Quando criamos o AgroStart em 2016, o nosso objetivo era cocriar soluções e tecnologias para uma agricultura mais sustentável. Hoje, depois de cinco anos, vemos que estamos investindo constantemente em soluções que além de facilitar o dia a dia do agricultor, trazem competitividade ao agronegócio. Somos referência nesse ecossistema de inovação.

Saímos de um programa de aceleração para uma Plataforma de Inovação Aberta, dinâmica e democrática, onde todos podem empreender, tanto internamente com os nossos colaboradores nos trazendo projetos, como externamente”, comemora Almir Araújo, Diretor de Digital, Novos Modelos de Negócio & Excelência Comercial da Divisão de Soluções para Agricultura da BASF na América Latina.

Parcerias de sucesso

Eduardo Goerl, fundador e CEO da Arpac, startup que faz a pulverização agrícola com o uso de drones, participou do programa de aceleração do AgroStart em 2018. Para ele, o AgroStart foi importante por diversos motivos, com destaque para a validação, análise de mercado e networking. “Conseguimos validar o nosso produto, entender melhor qual mercado atingiríamos e com qual oferta e, por fim, tivemos a oportunidade de estar nas grandes feiras do Brasil apresentando nossa solução”, disse.

Já Francisco Jardim, diretor-geral da SP Ventures afirma: "Ser o fundo investidor do AgroStart é um importante passo na direção do apoio às atividades do segmento de Soluções para a Agricultura. Com o investimento que temos feito, buscamos apoiar startups promissoras e estamos assentando as bases para as nossas próprias atividades futuras de investimento. A BASF é um investidor diferenciado que fará da SP Ventures um investidor financeiro ainda melhor, pois podemos trocar insights, colaborar e compartilhar conhecimento”.

“Acreditamos que as tecnologias são complementares e que uma tecnologia não exclui a outra. Para a BASF, as tecnologias digitais são importantes ferramentas que contribuem na tomada da decisão certa no momento mais adequado para o cultivo. São serviços que vêm facilitar e otimizar o trabalho do agricultor. O caminho da inovação é um caminho sem volta, uma jornada construída todos os dias”, finaliza Almir Araújo.

Os empreendedores interessados em participar da Plataforma AgroStart devem oferecer soluções em: agricultura de precisão, automação, gestão de estoques, gerenciamento de safra, rastreabilidade, entre outras. Os interessados em participar do AgroStart podem se inscrever pelo site  
http://www.agrostart.basf.com.brAs inscrições estão abertas durante todo o ano, ininterruptamente.

Para celebrar os cinco anos, a BASF lançou um vídeo explicando sobre a importância da Inovação Aberta e contando um pouco sobre as vivências até o momento. O vídeo pode ser visto aqui neste link.  

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu