CONDENADO - Assassino do empresário Beto Andreoli é condenado a 22 anos de prisão



Luiz da Silva Filho foi condenado à 22 anos de prisão

Porto Velho, RO - O 1º Tribunal do Júri da Comarca de Porto Velho condenou o criminoso Luiz da Silva Filho a 22 anos de prisão, em regime fechado, pela morte a facadas do empresário Alberto de Carvalho Andreoli. O crime ocorreu na madrugada do dia 12 de abril de 2020, rua Venezuela com Abunã, Bairro Embratel, na capital. A vítima era filho do jornalista Paulo Andreoli.



O julgamento foi realizado nesta sexta-feira (19), no Fórum Criminal. O acusado, que já estava preso, participou presencialmente júri.
No total, sete testemunhas foram ouvidas, incluindo uma pessoa que presenciou o crime praticado por Joao Luiz contra Alberto de Carvalho Andreoli.

O CRIME

De acordo com informações apuradas pela Polícia, a vítima foi morta com várias facadas no tórax e pescoço. Alberto de Carvalho Andreoli não teve chance alguma de defesa, e mesmo caído no chão, o assassino continuou desferindo golpes contra a vítima.

Segundo testemunhas, Alberto de Carvalho foi assassinado após uma discussão por causa de um capacete de moto pertencente a João Luiz.
Após o crime, João Luiz fugiu do local, mas logo foi localizado e preso pela Polícia Militar e encaminhado para a Central de Flagrantes


Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu