Projeto da Unir seleciona alunos para capacitação em softwares


O projeto Palomakoba, para capacitação e desenvolvimento de softwares para dispositivos móveis, está selecionando alunos com conhecimentos em programação e mentalidade inovadora para participar de um curso voltado para a realidade de mercado. De acordo com o coordenador do projeto, professor Ewerton Andrade, do Departamento de Ciência da Computada, da Universidade Federal de Rondônia, UNIR, o objetivo é reunir estudantes e profissionais para serem capacitados ao mesmo tempo em que é feito o desenvolvimento de softwares. “O projeto tem apoio de grandes empresas, a exemplo da Motorola, e vai desenvolver produtos e trabalhar com inovação”, explica o professor.

A seleção de alunos acontece ao longo do mês de agosto, e as inscrições devem ser feitas entre os dias 14 e 19 de agosto. As inscrições devem ser enviadas para o email palomakoba@unir.br e devem estar de acordo com as regras do edital que pode ser consultado no site do projeto, http://palomakoba.unir.br. Segundo o professor Ewerton Andrade, a ideia é atrair profissionais interessados no desenvolvimento e estudantes com potencial para a pesquisa e inovação. “Trata-se de uma oportunidade importante, pois há o apoio necessário para a pesquisa e a possibilidade de um impacto real”.

O perfil dos candidatos prevê que estudantes tanto de cursos de graduação como de pós-graduação da área de tecnologia possam participar (as áreas estão detalhadas no edital), e também profissionais que já estão atuando no mercado. Além disso, há a previsão de concessão de auxílio capacitação, como adiantou o coordenador do projeto, professor Ewerton Andrade. Todo o processo de seleção vai acontecer de modo simplificado, com análise de currículo e entrevistas com os candidatos. “O nosso objetivo é conhecer cada um deles e entender as experiências que já têm trabalhando com desenvolvimento”, diz o professor Ewerton.

O projeto

O Palomakoba foi concebido a partir de uma parceria negociada e firmada com a multinacional Motorola já ao longo de 2021. O projeto entre a universidade e a Motorola prevê ações conjuntos de fomento à formação de recursos humanos e de inovação em tecnologia, e foi possível através da participação da Fundape, do Estado do Acre, com a qual a UNIR renovou convênio recentemente por mais um ano.

Especificamente o Palomakoba consiste em capacitar alunos em desenvolvimento de software para dispositivos móveis, com aulas teóricas e também com a implementação de diversos projetos práticos de desenvolvimento (hands-on). O objetivo é otimizar os conceitos adquiridos nas aulas para preencher os gaps na formação dos alunos e profissionais da área, ao mesmo tempo em que os capacita às necessidades atuais e futuras das empresas.

As atividades preveem a análise contínua de lacunas de conhecimentos técnicos necessários para o desenvolvimento de aplicações para dispositivos móveis (análise de gap), que terá como base as disciplinas dos cursos ofertados pela UNIR. E, além da capacitação em uma área que necessita de formação constante e altamente especializada, a parceria já firmada entre a Unir e a Motorola prevê que, após a conclusão do curso, há a possibilidade de contratação pela empresa dos alunos que se destacarem no processo.

Para a participação no projeto será realizada seleção para a formação da primeira turma com até 30 participantes, composta, por alunos e do ensino superior e profissionais do mercado nas áreas de computação, engenharias e áreas afins, que tenham competências para cursar com aproveitamento as disciplinas que serão ofertadas, bem como desenvolver soluções aos desafios práticos.


Fonte: Rondoniagora

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu