Exposição “Divina Arte” e Orquestra Villa-Lobos reabrem Teatro Estadual Palácio das Artes no próximo sábado; entrada é gratuita


Cinco artistas plásticos de Rondônia e um peruano vão expor seu trabalho na exposição “Divina Arte”, sábado, a partir das 18h, no hall de entrada do Teatro Estadual Palácio das Artes, em Porto Velho. Ao anunciar a mostra, a presidente da Fundação Cultural do Estado de Rondônia (Funcer), Simone Bittencourt, disse que o Governo de Rondônia retoma a temporada de mostras e espetáculos, contando também com a apresentação da Orquestra Villa-Lobos.

Ambos os eventos, com entrada franca, atenderão normativas que regem o período de vacinação contra a covid-19. Às 20 horas, a Orquestra Villa-Lobos, que iniciou as atividades em 2006, também volta a se apresentar no teatro, com o concerto Clássicos do Rock. Ela é regida pelo Instituto Cultural Villa-Lobos, de Porto Velho, e teve seu projeto aprovado por mecenato do Ministério da Cidadania, via Lei de Incentivo à Cultura.

Na entrada do teatro haverá aferição da temperatura das pessoas, e internamente deverão ser respeitadas as regras de higiene vigentes e o espaçamento entre poltronas.

Os artistas plásticos são: Assis Chateaubriand (Porto Velho), Eryle Aguiar (Guajará-Mirim), Franciney Vasconcelos (Pará), Henrique Landa (Peru), João Zoghbi (Porto Velho), e Maria de Nazaré (Guajará-Mirim).

A mais notável artista plástica rondoniense, Rita Queiroz, também foi convidada a participar. O acervo de Rita reúne mais de 100 quadros e grande parte foi doada ao Museu da Memória de Rondônia, que fica no antigo Palácio Presidente Vargas, ex-sede do Governo, no Centro histórico da Capital. A Funcer irá apoiá-la no transporte de algumas obras.

Segundo Simone Bittencourt, a exemplo de outras áreas, a cultura também teve perdas irreparáveis desde o início da pandemia do coronavírus, porém, com a retomada já têm previstos alguns shows em setembro, outubro e novembro deste ano, incluindo apresentações de balé no Teatro Guaporé (ao lado do Palácio das Artes).


“É grande a expectativa, depois de tanto tempo sem espetáculos e mostras; a redução da mortalidade traz de volta os artistas, e eles estão esperançosos em dias melhores”, comentou a presidente.

Em termos de cultura, um assunto puxa outro: a Escola de Música Villa-Lobos aproveita a deixa para informar que agora, com o “novo normal”, trabalhará em dois novos endereços: Unidade 1: Rua Dom Pedro II nº 1970, Bairro São Cristóvão; e Unidade 2: Rua Vivaldo Angélica, nº 4834, Bairro Flodoaldo Pontes Pinto, ao lado do Parque da Cidade.

O Teatro Palácio das Artes situa-se na Avenida Presidente Dutra nº 4.183, Bairro Olaria, na Capital.


Texto: Montezuma Cruz
Fotos: Gabriel Metano
Secom - Governo de Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu