Dr. Neidson volta a cobrar ações da Sesau para retomada das cirurgias eletivas no estado



O deputado Dr. Neidson (PMN) voltou a abordar a situação das cirurgias eletivas do estado durante discurso na sessão extraordinária desta quarta-feira (25). Segundo o deputado, após a reunião com o secretário de Saúde, Fernando Máximo, que ocorreu na Comissão de Saúde na semana anterior, foi encaminhado um requerimento pedindo informações detalhadas sobre a retomada das cirurgias que o secretario afirmou já estarem sendo realizadas.

O parlamentar apresentou os dados enviados pela Sesau e questionou algumas informações, como os números de cirurgias realizadas no Hospital João Paulo II, em Porto Velho, pois segundo ele, a unidade não realiza cirurgias eletivas. O relatório também apresenta o número total de cirurgias realizadas no Hospital Regional de Cacoal, sem especificar quais os tipos de procedimentos, impossibilitando a verificação de que as cirurgias seriam eletivas e não apenas de emergência.

Neidson relatou ter recebido reclamações da população que tem tido dificuldade até no acesso à cirurgias emergenciais, e questionou que ações a Sesau tem realizado para agilizar o processo de retomada das cirurgias. Ele também citou empecilhos colocados em licitações que têm dificultado ainda mais o processo. “Vejam como está a saúde do nosso estado, me parece que estão fazendo de propósito para terceirizar os serviços”, criticou o deputado.

O parlamentar afirmou que o Estado não se preparou para atender às demandas da saúde que não fossem relacionadas à Covid-19, causando uma crise no atendimento da população. Segundo ele, o Governo do Estado não priorizou o investimento na saúde pública, e cobrou que o Poder Executivo, por meio da Sesau, tome providencias urgentes para resolver a situação.



Texto: Ana Carolina Custódio-ALE/RO

Foto: Thyago Lorentz-ALE/RO

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu