<

Pessoas de 37 anos começam a ser vacinadas por agendamento em Porto Velho


A Prefeitura de Porto Velho vai começar a vacinar contra a Covid-19 pessoas a partir de 37 anos com agendamento confirmado através do aplicativo SASI nesta sexta-feira (9).

Serão dois pontos de vacinação. Das 9h às 16h será no Campus I da Uniron, na Av. Mamoré, 1520, no bairro Cascalheira. E das 17h às 22h será na modalidade drive-thru, no Prédio do Relógio, sede do Executivo Municipal. Essa será a 5º vacinação nessa modalidade realizada pela Prefeitura de Porto Velho.

Para o público na faixa acima de 38 anos basta ter o cadastro no aplicativo SASI para receber a imunização.

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) orienta que a vacinação para aqueles com direito à segunda dose prevista na caderneta de vacinação continua normalmente, bastando comparecer em algum dos pontos de vacinação.

PROFISSIONAIS DA INDÚSTRIA

Na quarta (7) e quinta-feira (8) também foram vacinados em Porto Velho profissionais da indústria, que foram atendidos na Faculdade São Lucas, Campus II. A Semusa destaca que aguarda a próxima orientação técnica do Ministério da Saúde para seguir vacinando os industriários.

CONSULTAR AGENDAMENTO

Para aqueles com 37 anos já cadastrados no SASI, o Portal Imuniza oferece o serviço de consulta de agendamento de vacinação. Por ele, o cidadão pode saber se já foi agendado para receber a vacina contra a Covid-19. Para fazer a consulta, basta acessar o site aqui.

A Prefeitura de Porto Velho recomenda que toda população acima dos 18 anos já faça o cadastramento no SASI.

Para baixar o aplicativo no sistema Android, basta acessar o link: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.sasi.app

Para baixar no sistema IOS, clique no link: https://apps.apple.com/br/app/sasi/id1467748272

BALANÇO DA VACINAÇÃO

Porto Velho, o município mais populoso de Rondônia, com mais de 500 mil habitantes, segue avançando na imunização. Até às 17h desta quinta-feira (8), mais de 228 mil doses de vacina contra a Covid-19 foram aplicadas na capital. Destas, 177 mil foram destinadas para a primeira aplicação; mais de 48 mil para a segunda; e 2,9 mil doses única da Janssen.

VACINA CONTRA FOME

Quem deseja contribuir com a campanha Vacina Contra a Fome, pode fazer a doação de alimentos não-perecíveis nos locais em que está ocorrendo a vacinação contra a Covid-19.

Os alimentos arrecadados são transformados em cestas básicas, destinadas às famílias cadastradas junto à Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família (Semasf), que fazem parte dos grupos vulneráveis e que enfrentam algum grau de insegurança alimentar.


Texto: SMC
Foto: Saul Ribeiro e Leandro Morais
Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Postar um comentário

0 Comentários