<

Tomadas e adaptadores comercializados irregularmente são apreendidos pelo Ipem, em Rolim de Moura



O Instituto de Pesos e Medidas de Rondônia (Ipem) realizou a apreensão de tomadas e adaptadores de plugues no município de Rolim de Moura. Ao todo, foram apreendidas 144 tomadas e 1.309 adaptadores de plugues em estabelecimentos de materiais de construção. A ação visa coibir a venda de produtos que não estão em conformidade com os regulamentos e portarias do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

O consumidor deve estar atento à embalagem do produto e se o mesmo apresenta a presença do selo do Inmetro. Só podem ser comercializados os plugues e tomadas que estejam de acordo com o padrão brasileiro. É importante ressaltar que, o consumidor deve sempre exigir a nota fiscal de compra.

Segundo o presidente do Ipem, Aziz Rahal Neto, a ausência de material ferroso em tomadas e adaptadores de plugues e tomadas é um dos principais requisitos de segurança para produtos elétricos de baixa tensão.

“Os produtos continham material ferroso nas partes e peças destinadas à condução de energia elétrica, o que é proibido segundo norma do Inmetro, visto que esse material não conduz a energia de forma eficiente, provocando o superaquecimento e tendo risco de incêndio”, pontuou Rahal Neto.

O consumidor mesmo pode realizar um teste muito simples para verificar a qualidade do produto. Utilizando um ímã, o cidadão pode observar se o plugue contém material ferroso em excesso, que é o responsável por esses problemas, colocando em perigo a segurança e o patrimônio do cidadão. O ímã não pode aderir aos pinos do carregador de celular, sendo o indicativo de irregularidade.

As fiscalizações do Instituto cumprem todos os requisitos de segurança contra a covid-19, com as equipes mantendo o distanciamento necessário, utilizando máscaras faciais e álcool gel. O consumidor que encontrar, ou suspeitar de alguma irregularidade, pode informar à Ouvidoria do Ipem, pelo e-mail ouvidor@ipem.ro.gov.br ou pelo telefone 0800 647 7277.


Texto: Alexandre Almeida
Fotos: Alexandre Almeida
Secom - Governo de Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários