<

Prefeitura inicia nova etapa de vacinação contra a Covid-19



Em continuidade à Fase 01 do Plano de Imunização contra a Covid-19, a Prefeitura de Porto Velho realiza nova etapa de vacinação entre os dias 10 e 12 de março, no Centro Universitário São Lucas – Campus 2 (antiga Ulbra), das 9h às 16h. São atendidos, agora, profissionais e trabalhadores da saúde dos grupos prioritários que estão em atividade.

A vacinação deste grupo será feita mediante relação nominal. O contato prévio com os estabelecimentos de saúde foi realizado pela Divisão de Imunização, órgão da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), e os dados precisam ser encaminhados até as 18h desta terça-feira.

Cerca de 2.400 pessoas devem receber a primeira dose do imunizante. São profissionais e trabalhadores de saúde que lidam com pacientes suspeitos ou confirmados com a Covid-19. Ou ainda, que atuam em unidades públicas e privadas que prestam atendimento a esse público.

Conforme o Plano de Imunização, continuam sendo imunizados trabalhadores do sistema funerário, entre eles coveiros e encarregados de campo dos cemitérios particulares e públicos. Da Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família (Semasf) serão beneficiados, desta vez, os psicólogos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e assistentes sociais que atuam com pacientes com Covid-19 atendidos pela Secretaria.

AFASTADOS

Também são atendidos os profissionais de saúde das seguintes unidades: Hospital São Pelegrino, Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Rondônia (Fhemeron), trabalhadores da Defesa Civil Municipal que atuam na força-tarefa das enchentes, além de conselheiros municipais e estaduais de saúde que executam atividades dentro de estabelecimentos de saúde que atendem Covid-19. Pessoas dessas unidades ou categorias que se encontram afastados ou em trabalho remoto (home office) não serão contemplados nesta ação.

Todos os que vão receber a primeira dose da vacina devem ter seus nomes relacionados em documentos encaminhados pelos locais de trabalho ou conselho de classe. Também precisam apresentar documento com foto, cartão do SUS e carteira de registro profissional.

FALTOSOS

Trabalhadores de saúde das unidades médico-hospitalares e de unidades municipais, estaduais e federais que atendem pacientes atingidos pela Covid-19, que estavam relacionados para a vacinação e por algum motivo não puderam receber a primeira ou segunda dose na data agendada, terão outra oportunidade.


Texto: Luciane Gonçalves
Fotos: Carlos Sabino, Leandro Morais e Wesley Pontes
Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Postar um comentário

0 Comentários