<

Radialista sofre atentado e morre a caminho do hospital



Um radialista foi morto no início da noite deste sábado (23), na emissora de rádio Anari FM 87,9, em Vale do Anari (RO), enquanto trabalhava num programa de rádio da igreja católica local.

Identificado como Enéias, mas nas redes sociais ele usava o nome de Aeneas Rodrigues Soarrs, idade não informada, o comunicador estaria no horário de trabalho, quando uma pessoa o chamou fora dos estúdios da rádio e disparou uma arma de fogo contra ele. Aeneas ainda foi atingido por golpes de madeira na cabeça, conforme testemunhas.

O comunicador chegou ser socorrido ao hospital municipal de Vale do Anari, mas não resistiu e morreu por causa da gravidade dos ferimentos.

A Polícia Judiciária foi informada sobre a morte e uma investigação sobre por que motivos o crime teria sido praticado, já foi iniciada. Em conversa com um agente da Polícia Civil, ele disse que as primeiras 48 horas são imprescindíveis para descobrir quem seria(m) o(s) assassino(s).

Conforme apurado, o crime chocou a cidade. Enéas como era chamado, era bastante popular e, segundo informações uma pessoa tranquila. Ninguém desconfia do que pode ter provocado a morte dele.

Nas redes sociais o radialista informava que era casado, mas não foi possível apurar quantos filhos tinha.

Notícia em atualização…


Fonte: Por Minuto Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários