<

Weintraub vai ganhar mais de R$ 1 milhão por ano no Banco Mundial



Abraham Weintraub 

O governo Jair Bolsonaro indicou, segundo Ana Flor, do G1, Abraham Weintraub, considerado o pior ministro da Educação da história brasileira, para mais dois anos no cargo de diretor-executivo do Banco Mundial.

O ex-ministro já está no cargo desde julho deste ano, mas cumpre um mandato tampão com prazo de validade: 31 de outubro. A nova indicação do governo é para que Weintraub encerre 2020 no posto e que fique por mais dois anos exercendo a função.

O governo precisa enviar a indicação para o grupo representado pelo Brasil no Banco Mundial - Colômbia, República Dominicana, Equador, Haiti, Filipinas, Suriname e Trinidad e Tobago - mas, por ter mais de 50% dos votos no grupo, a indicação brasileira está eleita.

Weintraub deve receber um salário de US$ 250 mil por ano. Com a cotação do dólar a R$ 5,24 (até o momento do fechamento desta matéria), o ex-ministro deverá receber a quantia de R$ 1.310.000.



Fonte: Brasil 247/(Foto: REUTERS/Adriano Machado)

Postar um comentário

0 Comentários