<

Governo programa pagamento retroativo dos professores para outubro


O Governo de Rondônia vai pagar na folha do mês de outubro a diferença retroativa do salário (piso) dos professores estaduais, referente aos meses de janeiro a junho, com a previsão de um desembolso de aproximadamente R$ 35 milhões, conforme garantiu na segunda-feira (28) a Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

Segundo o secretário de educação Suamy Vivecananda, todas as providências foram adotadas e está tudo ajustado para o pagamento em outubro, no mês do professor, do valor total retroativo da diferença do piso salarial aos profissionais da educação do Estado de Rondônia, conforme compromisso firmado pela Seduc e chancelado do governador Marcos Rocha, por meio do Decreto n° 25.296, de 13 de agosto de 2020.

De acordo com a Seduc, ao todo serão beneficiados 14.693 professores da educação estadual, destacando que os servidores aposentados e pensionistas da educação, com direito à concessão dos mesmos aumentos e reajustes atribuídos aos servidores ativos (direito à paridade), também serão contemplados com o reajuste de 12,84%.

Fazendo das palavras do secretário da Seduc, as suas, o governador Marcos Rocha disse, além de valorizar os professores, a injeção do recurso vai fomentar a economia do Estado, destacando que apesar do difícil cenário que se instalou, devido à pandemia, o Governo tem se esforçado para atender às várias demandas por investimentos nas frentes de trabalho da gestão, e de modo especial junto à Seduc, na implantação do piso e no consequente pagamento da diferença, mesmo enfrentando as adversidades do momento.



Fonte: Secom

Postar um comentário

0 Comentários