<

Biden se encontra com família de homem baleado em Kenosha




Candidato democrata à Presidência dos EUA, Joe Biden, cumprimenta Tim Mahone, presidente da Fundação Mahone, durante encontro comunitário em igreja e Kenosha 03/09/2020


Revista Fórum - Nesta quarta-feira (2), o senador Joe Biden, candidato do Partido Democrata à presidência dos Estados Unidos, esteve na cidade de Kenosha, estado de Wisconsin, epicentro da nova onda de protestos antirrascistas no país, devido a um episódio ocorrido em 23 de agosto, quando dois policiais atacaram o cidadão negro Jacob Blake com sete tiros pelas costas.


Em sua visita, Biden se encontrou com a família de Blake, que se encontra internado desde então – que tem melhorado seu estado desde então, mas ainda corre risco de vida, e já sofreu a perda do movimento das pernas, segundo os médicos. O candidato expressou seu compromisso de realizar uma reforma nos departamentos de polícia em todo o país, e mudar protocolos considerados racistas pelos movimentos em defesa dos direitos civis da comunidade negra.

A passagem de Biden por Kenosha ocorre exatos dois dias depois da realizada por seu adversário neste pleito, o presidente Donald Trump, representante do Partido Republicano. Diferente do democrata, o candidato à reeleição não teve a preocupação sequer de mencionar o caso de Blake, e menos ainda de se reunir com sua família.


Continue lendo na Fórum.



Fonte:  Brasil 247/ (Foto: REUTERS/Kevin Lamarque)

Postar um comentário

0 Comentários