<

Presídio de Cacoal tem 21 detentos infectados com a Covid-19 e 23 casos suspeitos


Desde a última semana as suspeitas de infectados pela Covid-19 no presídio de Cacoal começou a ser divulgada pelos meios de comunicação da cidade.

De acordo com o diretor da unidade prisional, Gilberto Santos, os primeiros detentos que apresentaram sintomas foram isolados em uma cela do regime fechado onde receberam todos os acompanhamentos médicos necessários, onde foram realizados a coleta de material para realização de exames PCR, onde foi enviado ao Lacém e os resultados começaram a ser divulgados nesta semana.

Nos primeiros resultados, 12 detentos haviam testado positivo, já no final da tarde de quarta-feira, (12), novos resultados chegaram e o total agora é de 21 apenados infectados com o Coronavírus e 23 estão com a suspeita e já estão fazendo tratamento com a ivermectina e azitromicina que foram cedidos pela secretária municipal de saúde.

Ainda de acordo com Gilberto, boa parte dos infectados já estão quase curados, alguns deles nem apresentam mais sintomas da doença, uma equipe médica que atua na unidade prisional tem trabalhado incansávelmente para que não ocorra um surto da doença entre os detentos. Nesta semana novos resultados deverão chegar e possivelmente esse número pode aumentar.

Na manhã desta quinta-feira, foi realizada a sanatização em uma parte do presidio, tudo isso para dar uma sensação de seguranças aos detentos e também aos servidores que ali trabalham.

Fonte: Notícias190

Postar um comentário

0 Comentários