<

O governo do Paraná deve assinar ainda nesta quarta-feira (12) o acordo com a Rússia




O governo do Paraná deve assinar ainda nesta quarta-feira (12) o acordo com a Rússia para produção e distribuição em território nacional da primeira vacina registrada contra o coronavírus, a Sputnik V.

O objetivo do governo estadual é assinar o acordo e, a partir da próxima semana, fazer uma solicitação técnica à Rússia para que o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) conduza as etapas de pesquisa e distribuição das doses. Para que isso ocorra, no entanto, é necessária autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O presidente russo, Vladimir Putin, anunciou a vacina no dia 11 de agosto e afirmou que fará a aplicação em larga escala no país em outubro. A comunidade internacional questiona a eficácia da vacina. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Sputnik V não chegou à última fase de testes, quando a substância é testada em massa.



Fonte: Brasil 61

Postar um comentário

0 Comentários