<

Guedes e Braga Netto terão que explicar gastos do governo ao TCU



O ministro Bruno Dantas, do Tribunal de Contas da União (TCU), intimou os ministros Paulo Guedes (Economia), e Braga Netto (Casa Civil), a prestarem esclarecimentos sobre a criação de despesas permanentes com base na flexibilização fiscal criada pelo Orçamento de Guerra, que vale até 31 de dezembro.

Segundo o ministro do TCU, o governo projeta receitas de R$ 1,4 trilhão até o fim do ano, mas despesas de R$ 1,9 trilhão. Isso resultará num déficit “estratosférico” de R$ 787 bilhões.

“Diante desse cenário, tornam-se imprescindíveis medidas de controle efetivo do crescimento das despesas obrigatórias de caráter continuado”, afirmou Dantas, segundo o site O Antagonista.




Fonte: Brasil 247/(Foto: Agência Brasil)

Postar um comentário

0 Comentários