<

Medicamento para tratar câncer acelera recuperação de pacientes com Covid-19



Um medicamento desenvolvido por pesquisadores da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) para tratar o câncer acelerou a recuperação de pacientes internados com a Covid-19.

Criado para estimular o sistema imune a combater o câncer, o fármaco foi testado em pessoas com casos graves do novo coronavírus. Os testes foram feitos com cinco pacientes. O resultado do estudo mostrou que a associação do imunoterápico com antibióticos e corticoides amenizou a inflamação no pulmão e reduziu de 18 para 10 dias o tempo médio de internação, sem a necessidade de intubar o paciente.

Um dos pacientes testados tem 78 anos, é portador de várias doenças crônicas e chegou ao hospital com 50% do pulmão comprometido, febre, dor de cabeça, dificuldade para respirar e baixo nível de oxigênio no organismo. Com o uso do fármaco, ele teve alta no décimo dia após a internação, com as lesões pulmonares cicatrizadas e anticorpos contra o novo coronavírus. Resultados semelhantes ocorreram nos demais pacientes.

O próximo passo para comprovar a eficácia do medicamento no combate à Covid-19 é ampliar os testes clínicos para um grupo maior de pacientes com quadros moderados ou graves. A previsão é de que o estudo dure um ano.

Postar um comentário

0 Comentários