<

Pelo menos 10 bancários foram contaminados pelo coronavírus em Rondônia até o momento




Porto Velho, RO - O presidente da entidade sindical, José Pinheiro, destaca que é importante que os bancários informem ao Sindicato

Pelo menos 10 bancários testaram positivo para a covid-19 em todo o Estado até o dia de hoje, 26 de maio. Foi o que informou o Sindicato dos Bancários e Trabalhadores do Ramo Financeiro de Rondônia (SEEB-RO), confirmando que são, ao todo, 4 casos confirmados no Banco do Brasil,

4 no Bradesco, e 3 na Caixa, sendo um deles, um vigilante.

O presidente da entidade sindical, José Pinheiro, destaca que é importante que os bancários informem ao Sindicato, imediatamente, os casos suspeitos, ou seja, aqueles em que trabalhadores apresentem os sintomas da doença (febre, tosse seca, cansaço, dores e desconfortos, dor de garganta, diarreia, conjuntivite, dor de cabeça, perda de paladar ou olfato...).

“Quando um trabalhador apresenta os primeiros sintomas da covid-19 ele é afastado e fica aguardando o resultado dos exames, que demora demais. Quando finalmente sai o resultado do exame já até passou o prazo da quarentena, do período do afastamento do trabalhador infectado. Por isso é fundamental que os bancários informem os casos imediatamente ao Sindicato, para que possamos tomar as providências junto aos representantes dos bancos no Estado e até mesmo junto à Justiça do Trabalho. O intuito prioritário do Sindicato é preservar a saúde e a vida tanto dos trabalhadores que estão nas agências – inclusive vigilantes e terceirizados – e da população em geral, considerado o alto poder de contágio do novo coronavírus”, afirmou Pinheiro.

Os casos que chegaram ao sindicato, até o momento, foram solucionados, principalmente aqueles em que os representantes dos bancos não queriam desinfectar as agências ou colocar os empregados em quarentena, descumprindo as determinações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e colocando a vida de todos em risco.


“OSindicato teve que acionar a Justiça do Trabalho que, por sua vez, obrigou os bancos a colocarem em quarentena, de 7 a 14 dias, todos os empregados que tiveram contato com os infectados. além de terem que desinfectar as agências por empresas especializadas”, acrescentou o presidente, que destaca ainda que os empregados que testaram positivoou já se recuperaram ou estão se recuperando bem.

Em Rondônia, até ontem (25/5) já foram 3.268 casos confirmados, com 121 óbitos. Porto Velho continua liderando com 2.445 casos confirmados e 79 mortes, conforme boletim diário da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) e Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa).

Veja abaixo a lista dos números de telefone do Sindicato:

Postar um comentário

0 Comentários