<

Operação Arnold prende homem que comercializava substâncias proibidas utilizando os Correios



A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (29/5/2020) a denominada OPERAÇÃO ARNOLD, no intuito de combater o tráfico de substâncias proibidas. Estão sendo cumpridos dois mandados judiciais, na cidade de Ariquemes/RO, sendo um de prisão temporária e outro de busca e apreensão, exarados pela 1ª Vara de Delitos de Tóxicos de Porto Velho/RO.

As investigações iniciaram no final do ano de 2019 com a finalidade de identificar a participação de um homem, que se utilizava dos Correios, para prática de tráfico de substâncias proibidas, controladas e restritas, enviadas para outros Estados da Federação a partir da cidade de Ariquemes/RO.

Durante as investigações, foi possível interceptar uma encomenda contendo substâncias anabolizantes ilícitas, derivadas dos produtos PHARMA TESTE300, PHARMA TREN A10 PHARMA TEST E500 e GENESYO PHARMA, todas elas inseridas na Lista de Anabolizantes Sujeitas a Receita de Controle Especial.

O preso, após ser ouvido, será encaminhado ao presídio estadual e responderá pelo crime previsto no artigo 273 §1-B do Código Penal, cuja pena máxima é de 15 (quinze) anos de reclusão e multa.

O nome da operação faz referência à competição de fisiculturismo ARNOLD, que representa a exaltação a vaidade corporal e a dedicação para atingir a perfeição muscular, características marcantes dos usuários dos produtos comercializados.



Fonte: Comunicação Social da Polícia Federal em Rondônia/RO

Postar um comentário

0 Comentários