Ministério da Saúde monitora um caso suspeito de coronavírus



Porto Velho, RO - Rondônia tem um caso suspeito de Corona vírus (Covid-19) registrado e divulgado pelo Ministério da Saúde, seis outros casos já foram investigados e descartados no Estado, de acordo com os dados da Agência de Vigilância em Saúde (Agevisa).

As informações foram repassadas por meio uma entrevista coletiva, realizada em Porto Velho, que também teve função de tranquilizar a população. “O caso está sendo investigado, cumprindo o protocolo do Ministério da Saúde”, esclareceu Fernando Máximo, titular da Secretaria de Estado das Saúde (Sesau).

A suspeita de Covid-19, doença causada pelo novo vírus, se trata de uma paciente que esteve no Japão e na volta ao Brasil fez conexão em Paris. No retorno para o Brasil, embarcou no mesmo voo que um paciente de 61 anos, que teve a doença confirmada em São Paulo.

A paciente saiu do Brasil no dia 31 de janeiro, ficou até o dia 20 de fevereiro no Japão e chegou no dia 22 em Guarulhos. No dia 27 de fevereiro começou a apresentar sintomas como febre, dor de garganta, tosse, dor de cabeça e fraqueza. “Ela foi atendida e se encontra em isolamento domiciliar, o que deve acontecer na maioria dos casos. Hoje, ela está melhor, mas continua em isolamento até que o resultado do exame para Coronavírus seja divulgado. O material foi encaminhado para fora do Estado”, explicou o secretário Fernando Máximo.

De acordo com o coordenador do Centro de Informações Estratégicas da Vigilância em Saúde de Rondônia (Cievs), Sid Orleans, a rede de assistência está preparada e a intenção é reforçar as ações de prevenção. “O protocolo que usamos para o Covid-19 é o mesmo para influenza, com isso nossos profissionais da rede de saúde já tem preparação de como agir diante da suspeita, que rapidamente é informada ao Cievs para que seja feito o monitoramento”, detalhou.

PREVENÇÃO

Para evitar a proliferação do vírus, o Ministério da Saúde recomenda medidas básicas de higiene, como lavar as mãos com água e sabão, utilizar lenço descartável para higiene nasal, cobrir o nariz e a boca com um lenço de papel quando espirrar ou tossir e jogá-lo no lixo. Evitar tocar olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas.

Postar um comentário

0 Comentários