URGENTE

Empresários são orientados sobre o uso de linhas de financiamento do BNDES



Empresários rondonienses tiveram a oportunidade de conhecer as linhas de crédito disponibilizadas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para investimentos no setor. O evento ocorreu na manhã de ontem (24), no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Velho (CDL).

O banco oportuniza às Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPMEs) o Cartão BNDES (crédito rotativo), BNDES Giro (capital de giro), BNDES Finame (aquisição de máquinas e equipamentos), BNDES Automático (projetos de investimentos) e BNDES Exim (exportação). Ao todo, a expectativa até o fim do ano é a liberação de R$ 70 bilhões.

De acordo com a presidente da CDL Porto Velho, Joana Joanora das Neves, é uma oportunidade às empresas descobrirem uma forma de alternativa de capital ao seu negócio. "Todos puderam tirar dúvidas sobre os recursos que têm direitos. Porém, o investimento depende do tipo de negócio para esse crédito. Grandes negociações já foram avaliadas e, depois, daremos orientações e indicação sobre os procedimentos para oficializar o crédito individualmente".

"Com certeza é importante [linhas de crédito] para todas as empresas. Assim elas podem inovar e fazer algo diferente. Essas palestras contribuem no aprendizado e, de repente, contratar um financiamento. Os especialistas dão dicas e orientações também sobre o uso do recurso com cautela", declarou a empresária Irene Reis.

ACESSO AO CRÉDITO

Segundo Ian Ramalho Guerriero, gerente do Departamento de Relações com o Governo da empresa pública privada, o BNDES é um banco para todas as empresas brasileiras que tem cerca de 95% das suas operações às MPMEs. "Para nós é muito importante estabelecer canais de acesso ao crédito por criarem emprego, gerar renda e que fazem a economia do Brasil melhorar e continuar crescendo neste momento de grande possibilidade de investimentos". Guerriero destacou ainda que, a previsão é de que sejam liberados à região Norte um montante de 5,5% da probabilidade nacional (R$ 70 bi) neste ano.

O gerente destacou o dinamismo do Estado de Rondônia "como forte e de bastante atividade comercial, principalmente de pequenas indústrias e no ramo da agricultura".

NÚMEROS

Um levantamento do Banco registra que no período de agosto a dezembro de 2017 foram concedidos um total de 12 mil financiamentos. Destes, 40% para empresas que nunca haviam impetrados recursos via BNDES. Já no primeiro bimestre de 2018, outro balanço confirma que R$ 3,8 bilhões foram ofertados às MPMEs.



Fonte: Assessoria de Imprensa CDL

Nenhum comentário