URGENTE

Mascherano admite golpe "muito forte", recusa análise e diz: "Rezar por resultado"



Javier Mascherano foi um dos poucos jogadores da Argentina que falou com a imprensa após o massacre para a Croácia, nesta quinta-feira, em Nizhny Novgorod. Em poucas palavras, resumiu o sentimento do grupo após o resultado que complica (muito!) as chances de classificação do time para as oitavas de final da Copa do Mundo.


- O golpe é muito forte agora. Dói muito. Temos que tratar de cada um se recuperar de alguma maneira. Não temos condições de analisar nada agora. Vamos esperar o jogo de amanhã. Agora, fica difícil fazer qualquer análise da partida. Temos que engolir o veneno e seguir em frente - disse.

O jogo que Mascherano se refere é Islândia e Nigéria, que fecha a segunda rodada do Grupo D, nesta sexta-feira. Nenhum resultado elimina previamente a Argentina, mas uma vitória da Islândia deixa a situação ainda mais delicada. Sincero, o volante admite que o momento é de apelar aos céus.

Nenhum comentário